Hiper 31

hiper31capaA Hiper Disney é sem dúvida uma das revistas que mais me tem interessado nos últimos meses com as suas histórias um pouco menos infantis. Mas quando se começa a ter um número seguido de 5 estrelas começa-se a pensar quando a revista comete um pequeno deslize. Será que foi desta ou manteve as 5 estrelas? Vamos já descobrir!

capa -> o Pedro Bouça diz que a Hiper anda a publicar as histórias mais sofisticadas. É uma pena a capa não condizer. Acho bem que a Goody tenha querido colocar todas as capas com fundo branco numa das suas séries, sem representar histórias. Umas melhores outras piores como tudo. Mas a revista demorou a se encontrar começando com o DD a caminhar nesse sentido. Nesta altura não me parece que capas muito infantis estejam adequadas. Acho que está mais do que na altura da Goody rever a sua política editorial de capas na Hiper.

Mickey no fabuloso reino de Shangri-La-> excelente história do Mickey dos tempos áureos de Scarpa no texto e desenho e Cimino na arte-final. Uma referência, que evoca Capra. Há um pormenor muito muito curioso. Estamos habituados a que não haja grande continuidade entre as histórias Disney. Mas Scarpa gastou as primeiras 3 páginas da história numa despedida de Mickey a Atomino Bip-Bip sem relação posterior com a história, marcando que ele deixava de viver com o Mickey e regressava à Dimensão Delta. Outra curiosidade é que o personagem Ben Bubbola tornaria a aparecer muitos anos depois na BD Disney.
http://coa.inducks.org/story.php?c=I+TL++288-AP
Inédita no Brasil.

Tio Patinhas e o soldado da fortuna -> Mais um clássico: texto de Cimino, desenho de Scarpa e arte-final de Cavazzano, com 4 tiras por página. Foi engraçado ver o advogado Objeção Busilis outra vez.
http://coa.inducks.org/story.php?c=I+AT++120-A
Saiu há 5 anos no Brasil na Tio Patinhas 537.

Calypso -> a 7.ª de 12 BDS de MMMM. Excelente arte e o argumento conseguiu fazer com que numa BD longa grande parte passada num sítio fechado (prisão) eu não me aborrecesse e afinal gostasse bastante. Estou muito curioso para ler as últimas 5 e ver como as coisas se vão resolver…
http://coa.inducks.org/story.php?c=I+MM++++6-1
Inédita no Brasil.

História de espiões -> cada vez acho mais divertida esta série baseada em MMMM. Aquele gato faz-me rir muito.
http://coa.inducks.org/story.php?c=I+MM++++6-2
Inédita no Brasil. Só publicada em Portugal e Itália para já.

Sombras sobre Vénus -> depois das primeiras 4 histórias introdutórias começa aqui a verdadeira saga de PKNA. Achei que o tom mudou um pouco. Está tudo muito bem feito, bem rematado, sem gerar confusão numa história com tantas ações diferentes. Muito muito bom.
http://coa.inducks.org/story.php?c=I+PKNA++1-1
No Brasil saiu em Superpato Novas Aventuras 1 e foi republicado em Disney Big 18.

No rastro do contramestre -> Lê-se muito bem esta História da Baía e fiquei curioso. O final não é espetacular. Mas está bem.
http://coa.inducks.org/story.php?c=I+TL+2385-6
Inédita no Brasil.

O finório dá lições -> Não sou fã do Amadeu.  Mas com texto e desenhos do Scarpa claro que li com atenção. O que achei mais curioso foi a constante mudança de cenário e entrarem muitos personagens do universo do Mickey mas nunca o rato nem o Pateta. Mas entram Atomino Bip-Bip, Clarabela, Esquálidus, Horácio,  Bafo-de-Onça, Prof. Tiraprosa e Tudinha… No final acabei por achar a bd mais fraquita de todas as da revista apesar de não ser má.
http://coa.inducks.org/story.php?c=I+TL++445-A
Inédita no Brasil.

As Minas de Fantametallo -> traz de volta à Hiper a Eurasia Tost, revista onde sempre foi publicada esta personagem. Uma grande história do Casty que continua a explorar o que aconteceu antes com a Eurasia. Tenho pena do Casty não ter (ainda?) feito mais nada com a Eurasia…
http://coa.inducks.org/story.php?c=I+TL+2880-1
Foi publicada no Brasil no Mickey 821.

Resumo:
Histórias sofisticadas com excelente arte e argumento e grandes clássicos continuam a ser o que faz esta revista, com uma história ou outra menos boa no desenho ou no argumento. Mas não há dúvidas
Estrelando:

Para os amigos brasileiros completistas esta revista tem muitas páginas inéditas no Brasil. Para os outros, a maioria da BD na revista que é inédita no Brasil recomenda-se claro. É verificarem se concordam ou se está dentro dos vossos gostos.

Legenda:

  •  Gastem o vosso dinheiro noutra coisa!!!
  •  Argh!!! Só para colecionadores da revista ou assim…
  •   Na média: não vai entrar para a História mas…
  •  Boa!!! Comprem-na e não se vão arrepender!
  •  Obrigatória!!! Comprem sem hesitação!
Anúncios

3 thoughts on “Hiper 31

  1. Essa do Atomino aparecer apenas no princípio da história para despedir-se é uma clara homenagem ao Esquálidus do Gottfredson.

    Essa personagem também se tornara coadjuvante constante da tira de jornal do Mickey até ser retirado de súbito da tira por ordens superiores (não lembro se da Disney ou da King Features). Na Itália, onde as tiras eram publicadas como histórias fechadas na Topolino, calhou do Esquálidus ir embora no início de uma história que, de resto, nada tem a ver com ele. Scarpa idolatrava as BDs do Gottfredson (como é óbvio para quem conhece as obras dos dois autores) e certamente deve ter decidido “aposentar” a sua personagem de forma análoga.

    Tem graça, não?

    Gostar

Comenta aí...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s