Minnie & Amigos 7

minnie7Os velhos do Restelo avisaram… A sério??? Vão fazer uma revista para o público feminino em vez de nos darem o que queremos: mestres Disney, histórias complexas, megassagas e assim por diante??? (esses eram os velhotes que já se tinham cansado de gritar em plenos pulmões por histórias de outros países também).

A Goody insistiu e tornou-se aquilo que já todos os velhotes sabiam: a revista Disney com piores vendas.

As capas eram demasiado infantis e femininas para os velhotes do Restelo comprarem e os que arriscaram a sua reputação verificaram que aquilo tinha mesmo muito girl-power, com histórias da Margarida, Clarabela, Minnie, Vovó Donalda e outras mais, além de histórias com crianças do sexo masculino (Huguinho, Zezinho e Luisinho e Donald Menino, por exemplo).

Mas a verdade é que além daquelas histórias em que os velhotes não arrancaram os cabelos porque alguns já não os tinham, havia algumas histórias interessantes, pois algumas até eram longas e outras tinham boa arte.

Mas 6 meses depois, Minnie & Friends já não chegava às bancas. Foi o fim? A Goody disse que não, que iam fazer uma pausa de um mês, reformular a revista com mais páginas e dar-lhe um novo título mais português Minnie & Amigos mas manter a numeração (na ficha técnica continua a ser Friends o nome oficial da revista).

Eu estava curioso. Será que iam aproveitar o que a revista tinha de bom e explorar mais essa parte? Se iam aumentar as páginas para 320 não iam colocar a revista mais infantil pensei eu.

Mas vamos lá então à nova vida da Minnie & Amigos 7. Capa infantil (e estival). E o interior não mudou em nada. Mais do mesmo. Apenas tem mais páginas. Uma desilusão. Mas isso faz que seja uma revista a jogar para a fogueira? Não!

As histórias saíram entre 1995 e 2008.

BOAZITAS:
– Mickey e Minnie em : Umas férias perigosas (I TL 2309-6): Tem um final atabalhoado e a premissa já é fastidiosa (há sempre alguém importante que se parece com a Mickey ou a Minnie), mas tem boa arte e o restante argumento é bonzinho.
– Patospot Margarida Copywriter (I TL 2279-1): mais uma daquelas histórias em que a Margarida é sobrinha do Tio Patinhas (por namorar com o sobrinho?). Mas a história sobrevive a isso.
– Mickey e o segredo do velho Ben (I TL 2730-3): quem são estes tios Lou e Connie da Minnie?

MÉDIO – (médio menos, não travessão)
– O Diário de Margarida: Um… mal-entendido preocupante (I M 35-4): má qualidade na reprodução. Não sou fã do Diário da pata mas esta não é daquelas histórias insuportáveis. A história funciona.
– Margarida & Brigite e as contra-férias antidesportivas (I TL 2946-4): Não é todos os dias que se vê a Brigite apaixonada pelo Vovô Metralha.  Isso não chega, mas vale alguma coisa X-D

A SÉRIO??? PORQUÊ???
– Lagartas, Rãs e Patos (I TL 2260-5): a segunda história com a família Duckis inventada pelo Bruno Concina [mas a Goody não publicou a primeira (tinha publicado a terceira no Hiper 10 com a família a cair de para-quedas no colo dos leitores) e esta não é muito interessante – duplo cartão vermelho].
– Gansolino e a pintura alimentar (I TL 2609-4): Goody – BARBICHA!!! (esqueçam o Billy). Quantas histórias sobre ridicularizar a pintura estão a ser publicadas este mês???
– Minnie e as férias na Polinésia (I M 35-3): Esta é a segunda história que tiraram da Minni & company 35 nesta revista. Não engulo a amizade da Minnie e Clarabela com a Tudinha!!! E as explicações em catadupa e o sonambulismo não ajudam…
– Margarida e a fotografia impossível (I M 58-3): pouco original, boa para encher umas páginas.
– Minnie e o Império das Flores (I M 35-1): Terceira história da Minni & Company 35 tirada para esta revista (só se esqueceram de uma história para ser a revista completa). A imaginação do argumentista merecia uma arte diferente. Mas o argumento está cheio de falhas com complicações e sem chegar a nenhum fim, que adia e que jamais será publicado.
– Huguinho, Zezinho e Luisinho e o Bosque Encantado (I M 24-2): infelizmente mais uma vez o nome do mestre Cimino não é equivalente a uma boa história.
– Minnie e a Musetta (I M 74-3): mais uma história com problemas de reprodução gráfica. É mais um dos filões explorados na revista da Minnie: a fantasia. Merecia melhor arte. Mas o argumento acabou por se revelar um bocado pobre e o fim terrível.
– Margarida e as flores da esperança (I M 33-4): Outra com problemas de reprodução. Depois da ler, os leitores que ficarem com esta na memória vão-se interrogar se querem comprar a próxima revista.

O BOM
– 3 históritas boazitas, o que é uma maravilha se pensarmos que é uma revista Goody
– 2 medianas: é pá, já são 5 que se lêem sem problemas.

O MAU
– não traz nada de novo
– continua a ter histórias boazinhas com terrores; é como andar a garimpar à procura não de ouro (isso não tem) mas de uma coisa que pelo menos brilhe
– a capa 😛

VEREDITO
Depende
Não tem nenhuma história magnífica mas tem várias boazitas. Se não se importarem com as outras…
Infelizmente é a melhor revista de julho até ao momento. Mas temos fé que o Hiper 20 seja melhor!

Amigos brasileiros que queiram comentar histórias individuais:
– Férias perigosas saiu em Minnie Pocket 1
– Um Mal Entendido Complicado saiu em Tio Patinhas 424
_ as outras acho que não saíram no Brasil.

Capa rapinada daqui.

Anúncios

4 thoughts on “Minnie & Amigos 7

  1. Aqui nó temos o título Minnie que, como você bem sabe, já alcança o número 39 só que com apenas 52 páginas. Não reconheci essas histórias aqui no Brasil.
    E margarida como sobrinha do Sr. Patinhas?? Eu sempre achei qu ela era considerada da família por ser namorada do Donald. Essa é nova para mim..O Diário da Margarida foi uma série explorada aqui no Brasil, pois aqui os artistas sabiam lidar com a característica mais feminista da pata de forma a acharmos graça nisso. Não vi ainda esse série sendo feita aos olhos da Itália.

    Abraços.

    Gostar

    1. Fabiano- há argumentos em que a Margarida é sobrinha do Tio Patinhas e há também quem diga que ela e o Donald são primos (há uma outra teoria que são primos em segundo grau). E há quem entenda que ela é “sobrinha” por afinidade de namorar/casar no futuro com o Donald.
      Mas se gostas de teorias, eis a razão segundo Don Rosa porque o Huguinho, Zezinho e Luisinho chama tia à Margarida e não tio ao Gastão: a Margarida é irmã do cunhado do Donald. Ou dito de outra forma o irmão da Margarida casou com a irmã gémea do Donald, a Della/Dumbela, e são esses os pais dos Huguinho, Zezinho e Luisinho.

      Gostar

Comenta aí...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s